<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

quarta-feira, fevereiro 1

 

Santa Maria

O post de hoje será (um dos muitos, espero) dedicado aqui na Terra à primeira Encíclica do Papa Bento XVI.

Começo pelo fim. Pelo ponto 42.

"À vida dos Santos, não pertence somente a sua biografia terrena, mas também o seu viver e agir em Deus depois da morte. Nos Santos, torna-se óbvio como quem caminha para Deus não se afasta dos homens, antes pelo contrário torna-se-lhes verdadeiramente vizinho. Em ninguém, vemos melhor isto do que em Maria. A palavra do Crucificado ao discípulo — a João e, através dele, a todos os discípulos de Jesus: «Eis aí a tua mãe» (Jo 19, 27) — torna-se sempre de novo verdadeira no decurso das gerações. Maria tornou-Se realmente Mãe de todos os crentes. À sua bondade materna e bem assim à sua pureza e beleza virginal, recorrem os homens de todos os tempos e lugares do mundo nas suas necessidades e esperanças, nas suas alegrias e sofrimentos, nos seus momentos de solidão mas também na partilha comunitária; e sempre experimentam o benefício da sua bondade, o amor inexaurível que Ela exala do fundo do seu coração. Os testemunhos de gratidão, tributados a Ela em todos os continentes e culturas, são o reconhecimento daquele amor puro que não se busca a si próprio, mas quer simplesmente o bem. A devoção dos fiéis mostra, ao mesmo tempo, a infalível intuição de como um tal amor é possível: é-o graças à mais íntima união com Deus, em virtude da qual se fica totalmente permeado por Ele — condição esta que permite, a quem bebeu na fonte do amor de Deus, tornar-se ele próprio uma fonte « da qual jorram rios de água viva » (Jo 7, 38). Maria, Virgem e Mãe, mostra-nos o que é o amor e donde este tem a sua origem e recebe incessantemente a sua força. A Ela confiamos a Igreja, a sua missão ao serviço do amor:

Santa Maria, Mãe de Deus,
Vós destes ao mundo a luz verdadeira,
Jesus, vosso Filho – Filho de Deus.
Entregastes-Vos completamente
ao chamamento de Deus
e assim Vos tornastes fonte
da bondade que brota d'Ele.
Mostrai-nos Jesus.
Guiai-nos para Ele.
Ensinai-nos a conhecê-Lo e a amá-Lo,
para podermos também nós
tornar-nos capazes de verdadeiro amor
e de ser fontes de água viva
no meio de um mundo sequioso."


Os Santos. Existem ainda lugar para os Santos no mundo de hoje? Julgo que João Paulo II "produziu" mais Santos no seu pontificado que todos os Papas antes dele. Que quer isto dizer? Talvez tão somente que cada vez mais pessoas se conseguem identificar com Jesus Cristo nas palavras e nas obras. E que estas pessoas são verdadeiros faróis que iluminam a humanidade. Exemplos que mostrem aos homens de que quem "caminha para Deus não se afasta dos homens".

A Virgem Maria, Mãe de Jesus, é aqui revelada como a Mãe de todos os Homens:

"A palavra do Crucificado ao discípulo — a João e, através dele, a todos os discípulos de Jesus: «Eis aí a tua mãe»".

De entre os adjectivos com que o Papa Bento XVI caracteriza a nossa Mãe, encontram-se a sua bondade, a sua pureza, a sua beleza, "um amor puro que não se busca a si próprio, mas quer simplesmente o bem".

Se a bondade não necessita explicações pois é evidente de per se, convirá todavia explicar o que se entende por "pureza" e "beleza". A "beleza" também é relativamente fácil de definir. Não se trata, obviamente, da beleza física que se traduz pelo equilíbrio e propriedades de certos traços físicos. Quantos de nós não vimos já pessoas com os traços físicos muito correctos mas que nos desagradam? E quantos de nós não vimos já, pessoas com traços físicos vulgares ou pouco característicos e que nos encantam pela sua postura e pela sua atitude? A beleza é, sobretudo, uma qualidade que se encontra ligada à bondade. E, de um ponto de vista cristão, a beleza é sinónimo de bondade. É o lado estético da bondade.

E a pureza?

Recordo-me de uma conversa com um amigo ateu. Falávamos de uma terceira pessoa, X, da disponibilidade que X sempre manifestava, falávamos da sua correcção e da sua franqueza. Em dado momento, esse meu amigo disse: "O que mais impressiona em X é que ele é puro!" Fiquei algo perplexo pois ele raramente utilizava certos adjectivos. Mas compreendi o que ele pensava: X tinha uma extraordinária capacidade para evitar o mal de um modo quase natural e instintivo. A pureza talvez consista, simplesmente, no "evitar o mal".

Volto aos Santos. Um Santo é, portanto, alguém belo, puro e bondoso. Daí Santa Maria, Mãe de Deus.


Timshel [TIMSHEL]
Comments:
Para mim é sempre espantoso como se consegue falar na "Mãe" de Deus e "Mãe" dos homens, referindo-se estas pessoas a uma pretensa "virgem". Como se a virgindade fosse uma qualidade, um estado superior de existência. Esta gente não vê que o culto da virgem é uma ofensa à sua própria mãe? Isto não é evidente?

Claro, não é evidente. Porque os teólogos da treta inventaram dois mundos paralelos: um é aquele em que nós e as nossas pobres mães vivemos, sujeitos à carne, ao sexo. O outro é o da "Virgem", o dos santos, onde vivem os eunucos da hierarquia católica, com Bento XVI à cabeça. Que até consegue falar de amor, vejam lá... E dar lições aos pobres mortais que nós somos, habitantes deste mundo paralelo onde as nossas mães vão para a cama com os nossos pais fazer coisas impuras, coisas que a dita "Virgem Maria" nunca fez, mulher pura, intocada. (Mas: mulher objecto dos desejos lubricamente sublimados dos padres e quejandos...).
Fátima, a maior impostura do século XX aí está, a proclamar o culto da virgindade. Numa mensagem anti-evangélica que só os ceguinhos fanáticos não vêem. pois não é verdade que a "Revelação" terminou com o último livro do novo Testamento? Como é que lá metem a pretensa mensagem de Fàtima?

Fartinho das vossas tretas, ó católicos! Ao menos os islamitas são mais sérios: no seu fanatismo não admitem imagens da divindade. Ao contrário de vocês que se babam atrás de um boneco içado num andor, vestido de mulher, "virgem", numa insuportável ofensa a todas as mães do mundo.
~Para vocês e vossa inaudita maldade não devia haver piedade...
 
Caro JJM

você leu o post?

é que estão lá as respostas às suas dúvidas
 
Enviar um comentário

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?