<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

quarta-feira, setembro 7

 

Palavras do mês de Agosto

Sobre a morte do irmão Roger, fundador da comunidade de Taizé, passo a transcrever algumas palavras do cardeal Kasper:
"A primeira fractura que perturbava o irmão Roger era a das divisões entre cristãos. Desde a juventude, uniu-se à oração de Cristo «que todos sejam um, como tu, Pai, estás em mim e eu em ti» (João 17,21). Ele queria viver a fé da Igreja indivisa, sem romper com ninguém, numa grande fraternidade. Acreditava antes de mais no ecumenismo da santidade, essa santidade que transforma o fundo da alma e que sozinha conduz à plena comunhão. Sim: a Primavera do ecumenismo floriu na colina de Taizé, nesta igreja da Reconciliação, onde se encontram membros de diferentes tradições cristãs no respeito e no diálogo, na oração e na partilha fraterna, inspirados pela presença e pelo exemplo do irmão Roger.
A segunda fractura que perturbava o irmão Roger era a da divisão entre povos e nações, entre países ricos e países pobres. Toda a forma de injustiça ou de abandono entristeciam-no profundamente. Ele queria que irmãos da comunidade fossem viver em vários países, com os mais pobres, em pequenas fraternidades, como um simples sinal de amor e de comunhão. Este simples testemunho era-lhe muito querido, como uma profecia em miniatura do Reino de Deus, como uma semente de amizade e de reconciliação num mundo marcado pela indiferença. Para o irmão Roger, havia total continuidade entre o amor a Deus e o amor aos homens, entre oração e compromisso, entre acção e contemplação."

Algumas palavras de Bento XVI na XX jornada mundial da juventude:
"Quem poderia inventar um sinal de amor maior? Permaneçamos extasiados diante do mistério de um Deus que se humilha para assumir a nossa condição humana até se imolar por nós na cruz (cf. Fl 2, 6-8). Na sua pobreza, veio para oferecer a salvação aos pecadores, Aquele que como nos recorda São Paulo "sendo rico, se fez pobre por vós, para vos enriquecer com a sua pobreza" (2 Cor 8, 9)."
"Jovens, não cedais a falsas ilusões nem a modas efémeras, que muitas vezes deixam um trágico vazio espiritual! Recusai as soluções do dinheiro, do consumismo e da violência dissimulada que por vezes os meios de comunicação propõem.
A adoração do verdadeiro Deus constitui um acto autêntico de resistência contra qualquer forma de idolatria. Adorai Cristo: Ele é a Rocha sobre a qual construir o vosso futuro e um mundo mais justo e solidário. Jesus é o Príncipe da paz, a fonte de perdão e de reconciliação, que pode irmanar todos os membros da família humana."
"É como quando nos encontramos numa encruzilhada: que caminho empreender? O que é sugerido pelas paixões ou o que é indicado pela estrela que brilha na consciência?"

Timshel [TIMSHEL]

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?