<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

quarta-feira, junho 8

 

O que existia antes de existir o Universo?

Hoje faço um pequeno intervalo nos posts com as palavras de Bento XVI para voltar a um tema que já aqui tratei várias vezes: Deus e a criação do Universo. Sei que é um tema demasiado ambicioso, vagamente obscuro e manifestamente pretensioso. Mas é um tema que me fascina. Talvez porque na procura de onde viemos obtenhamos alguma informação sobre o que fazemos aqui.
Tempos houve em que, dizem-nos os cientistas, o universo teve a dimensão de um átomo. Logo a seguir ao Big Bang. Não se sabe o que existia antes do Big Bang mas segundo investigações científicas recentes suspeita-se que antes da criação do Universo, do Tempo e do Espaço apenas existia Informação. Mais exactamente um "objecto matemático" que se designa por "instanton". Existem ainda outros cientistas que dizem que existiam dois tipos de informação e que terá sido a "colisão" destas duas "informações" que deu origem ao Big Bang. Tanto num caso como no outro apenas podemos ter uma certeza: tratava-se de simples informação, isto é, nada que tivesse a ver com conceitos de tempo e de espaço, conceitos esses que são absolutamente necessários e prévios ao conhecimento humano.
Esta simples informação que logicamente parece inexistente pois é provinda de um "tempo" e de um "espaço" inexistentes, será a palavra de Deus?
Esse Deus que criou o Universo e o Acaso, construiu o Universo a partir desta Informação?

Começa assim o Evangelho segundo S. João:
"1 - No princípio já existia o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.
2 - Ele estava, no princípio, com Deus.
3 – Tudo começou a existir por meio d’Ele, e, sem Ele nada foi criado.
4 - Nele estava a Vida e a Vida era a luz dos homens."

Se antes de existir o Universo, o Tempo e o Espaço apenas existia Informação, talvez essa Informação nos dê pistas sobre a nossa razão de ser.

Escrevi aqui há uns tempos que "tudo o que nós somos é também, de um certo ponto de vista, simples informação. O ADN é um código informativo. Nós somos os produtos da informação genética e ambiental, mais próxima ou mais remota. Os nossos antepassados que já morreram, vivem de facto. São a informação genética e ambiental que nós somos. Aquilo que somos fisicamente e aquilo que pensamos é a informação transmitida pelos nossos antepassados. Nós somos à sua imagem e semelhança. E eles, eram à imagem e semelhança de quem? Da informação que existia antes de existir o Universo?"
Enquanto não sabemos mais sobre essa informação pura, o "instanton" (se é que alguma vez saberemos algo que não existe em forma de tempo e de espaço) podemos pensar que esse "instanton" é o Verbo, a Palavra de Deus.

E que nos diz essa Palavra?
Que Deus é Amor. Disponibilidade, atenção, partilha e diálogo. É no Amor que está a chave da nossa razão de ser. Na procura incessante, quotidiana e permanente que o nosso comportamento seja o reflexo desta lei que existia antes do tempo e do espaço.
O Amor é um conceito que ultrapassa a Racionalidade, o Tempo e o Espaço. Mas que só se concretiza nestas dimensões.
Por isso, a resposta à pergunta do título deste post é: Antes do Universo apenas existia o Amor.

Timshel [TIMSHEL]

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?