<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

quarta-feira, março 16

 

Bem-Aventuranças

Bem-aventurados os pobres em espírito,
porque, como nossos irmãos, temos de lutar para erradicar a pobreza
porque deles é o reino dos céus.
porque como nossos irmãos, queremos um governo do mundo mais justo, em que a riqueza será partilhada
Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados.
porque como nossos irmãos, queremos co-nascer todos os dias, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença

Bem-aventurados os mansos,
porque a revolta se deve fazer em silêncio, se necessário ruidoso, não oferecendo a segunda face quando o que nos propõe é o servilismo e a injustiça
porque herdarão a terra.
porque devemos cuidar a Criação como coisa nossa, que não pode ser destruída
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça,
porque, como nossos irmãos, devemos lutar para que a fome seja erradicada e todos se sentem à mesa como iguais
porque serão saciados.
porque só assim poderemos viver em consciência
Bem-aventurados os misericordiosos,
porque o perdão é etapa essencial para construir a paz
porque alcançarão misericórdia.
porque queremos construir apenas um mundo que é suficiente para todos nós
Bem-aventurados os puros de coração,
todos aqueles que lutam pela paz e pela justiça
porque verão a Deus.
porque viverão num mundo justo
Bem-aventurados os que promovem a paz,
porque não podemos tolerar uma política que tem como fim a guerra
porque serão chamados filhos de Deus.
porque Deus não pode NUNCA ser invocado para destruir a paz e construir Guantanamos de todas as cores e países
Bem-aventurados os que sofrem perseguição por amor da justiça,
porque, como nossos irmãos, devemos estimar a liberdade
porque deles é o reino dos céus.
porque a Terra não pode ser um lugar de Morte

É uma actualização, pretensiosa, das belíssimas Bem-Aventuranças.
Contra a exclusão de padres que olham para o lado quando vêem a miséria.
E regurgitam ódio contra quem atenta contra a vida, quando eles esquecem a vida .

Miguel Marujo [CIBERTÚLIA]

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?