<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

segunda-feira, novembro 29

 

A propósito de um mail

Na Terça-feira passada os editores da Terra da Alegria fizeram-me o forward dum mail dum leitor, que se exprimiu a sua desilusão por ter visitado o blogue em vão, à espera da nova edição da Segunda-feira, que não chegou a existir.
A este leitor em especial e a todos os outros quero apresentar as minhas desculpas. É verdade que este mail me fez sentir bastante mal e bem ao mesmo tempo. Mal, por saber que desfraudei as suas expectativas, e bem, por verificar que essas expectativas existem! Antes de ser convidado para contribuir para a este blogue, nunca me passou pela cabeça que alguém se interessava pelas minhas opiniões religiosas, muito pessoais e nada ortodoxas. Por isso sensibilizou-me especialmente o facto de o autor do mail ter sido um padre católico! Ora ele não reclamou a falta da edição de quinta-feira (essa também não faltou), mas a falta da edição da Segunda-feira, aquela onde escrevem não só católicos, mas também crentes de outras religiôes e pessoas como eu, que não sabem bem, como autodenominar-se.
Os iniciadores da Terra da Alegria (os que escrevem nas Quarta-feiras) entenderam transformá-la num espaço ecuménico. Não é aqui o lugar apropriado para que eu, que tenho o privilégio de ser convidado a escrever nele, me estender em elogios a este projecto, mas posso dizer que não conheço um forum da troca de ideias e experiências religiosas tão diversas, e, o que aprecio especialmente, também de dúvidas e dificuldades.
Gostava de dar ao Sr. Padre e aos outros leitores desiludidos da semana passada uma justificação:
Quem aqui escreve – ou melhor, só falando por mim: Eu, que aqui escrevo, não sigo a nenhuma agenda ou projecto editorial. Cada semana, consoante a minha inspiração e o tempo disponível, procuro escrever um contributo para a TdA. Nem todas as semanas consigo – ultimamente mesmo raras vezes -, porque uma coisa está para mim fora da questão, que é encher o chouriço. Isso seria o que a Terra da Alegria e os seus leitores menos merecem. (Aqui estou em vantagem em relaão ao padre, que não pode alegar falta de inspiração para cancelar a homília...)

Mas também acharia muito triste, se a edição da Segunda-feira desaparecesse, por falta de contributos, e por isso espero que os editores da Terra da Alegria não me levam mal se lembro o que eles escreveram, quando inauguraram este espaço ecuménico: Este está aberto não só para aqueles que até hoje nele escreveram.


Lutz [QUASE EM PORTUGUÊS]

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?