<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

quarta-feira, setembro 15

 

Viagem à Madeira (1991-1992) – breves apontamentos

Recuemos a 1991 ou 1992. Na Madeira, a pedofilia dos miúdos das caixinhas não atormentava a opinião pública que hoje devora a novela da Casa Pia, nem afugentava os turistas que procuravam uma alternativa mais próxima que a Tailândia ou as Filipinas. Na altura ainda não tinha sido ainda descoberto o «défice democrático» da região, na feliz expressão de António Guterres, infelizmente esquecida nos seus tempos de governação.
Então: um grupo de jovens padres resolveu atirar uma pedrada no charco. O documento chamou-se «mais democracia, melhor democracia», se a memória não me atraiçoa. Quem se sentiu atraiçoado foi o bispo local, pressionado pelas forças vivas locais. Afinal, como se atreviam aqueles rapazolas?
Atreveram-se: nas páginas dos jornais locais, nalguns nacionais e no advento da televisão privada, percebia-se que a Igreja Católica na Madeira não era monolítica. As páginas do documento sublinhavam o óbvio. Uma região (ainda hoje) dependente de um governo regional assistencialista e empregador, onde não era permitida a mínima discordância de orientações – sob pena de se sofrer insulto maior pelo insultador-mor, Alberto João.
Mas o essencial no texto era a denúncia da relação doentia da Igreja Católica com o governo caciquista local: a opção evangelizadora pelos que vivem nas margens não se compadece com benesses e benfeitorias do poder.
Por esses anos, num encontro com o bispo do Funchal, dávamos a conhecer-lhe algumas linhas de actuação do Movimento Católico de Estudantes (MCE). Entre as preocupações de jovens militantes, a pobreza era (porventura) a mais significativa. A este discurso – que queria verter em agir concreto a Utopia das palavras – o senhor bispo reagiu: «Ah!, isso da pobreza é lá em África». Como o turismo sexual é no Sudoeste asiático, não é vossa reverência?


Miguel Marujo (CIBERTÚLIA)

[Leia uma nova viagem à Madeira na próxima semana]

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?