<$BlogRSDURL$>

 

 

 

   

 
 

terra da alegria


 
 
timshel guia dos perplexos cibertúlia poesia distribuída na rua a bordo baixa autoridade
 
     

segunda-feira, setembro 27

 

A primeira referência pública no Ocidente

Em 1893, realizou-se nos Estados Unidos o primeiro Parlamento Mundial das Religiões. O evento teve lugar durante a Exposição Colombiana, que assinalava o 4º Centenário da Descoberta da América. Pode parecer apenas mais uma das muitas exposições e conferências que se iam realizando ao longo do final do séc. XIX, nos Estados Unidos e na Europa. Mas para os bahá'ís assinala um momento importante: era a primeira vez que em público se fazia um referência à religião fundada por Bahá'u'lláh.

Naturalmente que o episódio passou despercebido a muita gente dessa época. Os registos da conferência assinalam uma palestra proferida pelo Reverendo George A. Ford. Este missionário, cuja actividade se centrava na Síria, leu uma comunicação preparada por outro missionário, o Reverendo Henry H. Jessup (que também trabalhava na Síria).

A palestra teve lugar no dia 23 de Setembro; fez 111 anos na passada 5ª feira. Ali, perante uma plateia ocidental, o aquele ministro Presbiteriano referiu pela primeira vez o nome de Bahá'u'lláh e mencionou as Suas palavras. Ao concluir a sua palestra declarou:

No Palácio de Bahji, ou Deleite, no exterior da Fortaleza de 'Akká, na costa da Síria, faleceu há alguns meses atrás um famosos sábio persa[1], um santo Babi, chamado Bahá'u'lláh – a Glória de Deus – o chefe desse vasto partido reformador dos muçulmanos persas, que aceitam o Novo Testamento como Palavra de Deus e Cristo como Redentor dos homens, que vêem todas as nações como uma só, e todos os homens como irmãos. Há três anos, ele foi visitado por um académico de Cambridge[2], e expressou sentimentos tão nobres, tão semelhantes aos cristãos, que os repetimos como palavras finais:

«Que todas as nações se tornem uma em fé e todos os homens irmãos; que os laços de afecto unidade entre os filhos dos homens sejam fortalecidos; que o antagonismo entre religiões cesse e as diferenças entre raças sejam anuladas. Que mal há nisso? No entanto assim será. Estas lutas infrutíferas, estas guerras ruinosas cessarão e a «Mais Grandiosa Paz» virá. Não necessitam também disso na Europa? Que o homem não se vanglorie de amar seu país; que o homem se vanglorie de amar o seu semelhante»[3]


Alguns historiadores bahá'ís dizem que nesse dia, a religião Bahá’í chegou ao Ocidente. Curiosamente, surgiu pela boca de um cristão.

Marco Oliveira [POVO DE BAHÁ]
-------------------------------------
NOTAS
[1] – Bahá'u'lláh faleceu em 29 de Maio de 1892.

[2] –
Edward Granville Browne. A visita teve lugar em Abril de 1891.
[3] – World Parliament of Religions, vol. II, pag. 1125-6.

Outros documentos relacionados:
*
Interfaith and the Future, John Hick (palestra comemorativa do centenário do primeiro Parlamento Mundial das Religiões).
* Alguns autores consideram que no Ocidente as primeiras referências públicas à religião Bahá'í foram feitas no Reino Unido; ver
First Public Mentions Of The Bahá'í Faith.

sementes da terra
 
mail
 
 
anteriores
04.2004
05.2004
06.2004
07.2004
09.2004
10.2004
11.2004
12.2004
01.2005
02.2005
03.2005
04.2005
05.2005
06.2005
07.2005
08.2005
09.2005
10.2005
11.2005
12.2005
01.2006
02.2006
03.2006
04.2006
05.2006
06.2006
07.2006
08.2006
12.2006
 

 

 
 

terra da alegria. 2004.


 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?